Fechar [X]


Tempo / Análise da Situação Atual

Análise da Situação Atual

DescriçãoZona de convergência intertropical sobre o Atlântico com atividade moderada/forte oscilando entre 3°N/9°N em relação a linha do Equador. Áreas de instabilidade tropical sobre o Acre, Amazonas, oeste e sul de Roraima, Amapá, Pará, Tocantins, sul do Maranhão, sul e centro do Piauí, oeste de Pernambuco, oeste e sul da Bahia, Minas Gerais (exceto nordeste), Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro, sul do Espírito Santo e, nas demais áreas da América do Sul, sobre a Guiana Francesa, Suriname, Guiana (exceto sul), Venezuela, Colômbia, Equador, Peru, Bolívia (exceto centro), Paraguai (exceto noroeste) e noroeste da Argentina. Áreas de instabilidade associada aos sistemas frontais sobre o centro e sul do Chile, centro, sul e sudeste da Argentina. Cavado invertido na costa do Rio de Janeiro e do Espírito Santo. Frente fria atuando no Atlântico com oclusão em 59°S/28°W e centro de 954 hPa. Outra frente fria com atividade moderada atuando na costa do Chile. Este sistema se conecta a outra frente fria com atividade moderada que está passando pelo centro, sudeste e sul da Argentina. Baixa pressão continental com centro de 1005 hPa em 32°S/67°W. Alta pressão pós frontal com centro de 1021 hPa em 34°S/46°W. Alta subtropical do Atlântico Sul com centro de 1030 hPa a leste de 20°W. Alta subtropical do Pacífico Sul com centro de 1025 hPa a oeste de 95°W.
Data Análise17/11/2018
Hora00
MeteorologistaMamedes Luiz Melo
CartaClique Aqui

DescriçãoZona de Convergência Intertropical sobre o Atlântico com atividade moderada/forte oscilando entre 05ºN/13ºN em relação a linha do Equador. Áreas de instabilidade sobre o nordeste, sudeste e noroeste da Venezuela, sudeste e sudoeste da Colômbia, nordeste do Equador, centro-norte do Peru, nordeste da Bolívia, centro-sul da Argentina, sul do Chile, e no Brasil, sobre o norte e sudeste do Amazonas, sudeste e centro do Pará, Mato Grosso, Tocantins, Goiás, Distrito Federal, oeste e sudeste de Minas, Rio de Janeiro, sul de Rondônia e oeste da Bahia. Frente Estacionária no Oceano Atlântico, associada a um centro de Baixa Pressão de 960 hPa, localizada de 53°S/33°W. Frente fria no Pacífico Sul. Baixa pressão continental com centro de 1011 hPa em 21°S/60°W. Alta pressão continental com centro de 1017 hPa em 38°S/63°W. Alta pressão subtropical no Atlântico Sul com centro de 1030 hPa localizada a leste de 20°W.
Data Análise16/11/2018
Hora12
MeteorologistaMaria das Dores de Azevedo
CartaClique Aqui

DescriçãoZona de Convergência Intertropical sobre o Atlântico com atividade moderada/forte oscilando entre 04ºN/12ºN em relação a linha do Equador. Áreas de instabilidade sobre as Guianas, Venezuela, Colômbia, Equador, Peru, centro, oeste e leste da Bolívia, sul do Chile, leste e sul da Argentina e no Brasil: sobre as regiões centro-oeste e norte, , no centro e norte do Maranhão, sudoeste da Bahia, Minas Gerais (exceto nordeste), Rio de Janeiro, sul do Espírito Santo, leste e sudoeste de São Paulo. Áreas de instabilidade associada aos sistemas frontais sobre o sul do Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais e Rio de Janeiro, seguindo Fria no Atlântico próximo do litoral do Rio de Janeiro e ocluindo em centro de baixa pressão de 966 hPa em 50°S/38°W. Frente fria no Pacífico, próximo de 34°S/90°W, seguindo e ocluindo no Pacífico. Baixa pressão continental com centro de 1004 hPa em 28°S/64°W. Alta pressão continental com centro de 1017 hPa em 38°S/63°W. Alta pressão subtropical no Atlântico com centro de 1024 hPa em 28°S/21°W. Alta pressão subtropical no Atlântico com centro de 1022 hPa em 25°S/92°W.
Data Análise16/11/2018
Hora00
MeteorologistaHamilton Nunes de Carvalho
CartaClique Aqui